MeepleBR
  • Por: Márcio Botelho
  • Publicado em: 16 de dezembro de 2020

Balanço de final de ano

Dia 18/12 às 19h vamos fazer uma retrospectiva sobre os board games no ano de 2020

Panetone, ceia com a família, piada do pavê e camiseta branca são só algumas das tradições que o mês de dezembro possui aqui no Brasil. Outra dessas tradições, talvez a mais característica dos jornais e meios de imprensa, seja a das retrospectivas.

Quem acompanha o nosso blog viu que estamos fazendo uma retrospectiva sobre o ano de 2020 para a MeepleBR (caso queira ler a primeira parte, clique aqui). Mas se vamos falar do mercado de board games em geral, vamos precisar de alguma ajuda.

Entre jogos – Retrospectiva 2020

Entre Jogos – Retrospectiva 2020

Para essa edição do Entre Jogos, o nosso encontro mensal sobre o mercado de jogos nacional, vamos fazer uma discussão sobre como foi o ano de 2020 do ponto de vista das editoras, lojas e produtores de conteúdo.

Não faremos uma retrospectiva cronológica, pois em um ano como 2020 foi tão cheio de acontecimentos que a retrospectiva não acabaria nunca. Nossa discussão será dividida em três eixos principais: pandemia; impacto das plataformas digitais; e as expectativas para o próximo ano.

Pandemia

Esse talvez seja “O” assunto quando falamos do ano de 2020. Independente da idade, orientação de gênero, cor ou classe social, todos e todas foram afetados pela pandemia de covid-19.

Mas como isso impactou o mercado de jogos de tabuleiro? As editoras e lojas conseguiram se recuperar desse momento difícil? Ficar em quarentena fez as pessoas jogarem mais ou menos? E os jogos solo?

Essas são algumas das perguntas que tentaremos abordar dentro desse eixo temático.

Impacto das plataformas digitais

Se por um lado a pandemia fez com que jogos solo ganhassem destaque na coleção de muita gente, por outro vimos um uso cada vez maior das plataformas virtuais de jogos como tabletopia, tabletop simulator e board game arena.

Fãs de jogos de tabuleiro que eram avessos a tecnologia, aquele seu amigo que dizia que “jogo de tabuleiro é bom porque te desconecta do digital”, acabaram tendo de se valer da tecnologia para continuar com a rotina de jogo entre amigos.

Para além de aspectos pessoais, vamos tentar entender qual o impacto disso para a indústria dos jogos: os eventos vão ser só digitais? Os custos para se fazer playtestes vão cair? As pessoas vão continuar usando essas plataformas depois do fim da pandemia?

Expectativas para 2021

Depois de um ano tão intenso, acredito que todo mundo tem um monte de palpites sobre o que vai rolar no próximo ciclo que se aproxima. Nesse momento vamos convidar os convidados, e os expectadores, a fazerem suas previsões para 2021: o que vai vir com força no mercado de board games? Qual será o jogo do ano? Que jogos brasileiros vão se destacar?

Nossos debatedores

Para essa edição do Entre Jogos convidamos alguns caras muito queridos pela comunidade dos board games no Brasil:

  • Diego Bianchini: a prata da casa será representada pelo sócio fundador, editor, são paulino e grande fã de jogos euro da MeepleBR.
  • Jack Explicador: um dos produtores de conteúdo mais famosos do Brasil, apresentador da MeepleTV e figura carimbada da cena nacional, Jack promete tecer comentários instigantes para nós.
  • Paulo Henrique: conhecido pelo seu bordão, “Fala povo!”, Paulo é o principal apresentador do Covil dos Jogos, grande canal sobre jogos de tabuleiro no YouTube. Vamos ver quais as previsões dele para o ano de 2021.

Como eu faço para participar?

A transmissão do bate-papo será feita pelo canal da MeepleBR no YouTube.

Basta acessar nosso canal na sexta-feira, 18/12, às 19h.

Se você não puder acompanhar ao vivo, não se preocupe! O vídeo vai ficar disponível para você poder assistir quando quiser.

Aproveita e nos segue por lá também.

Márcio Botelho

Raça: Humano. Alinhamento: caótico e bom. Classes: Historiador 6, Crítico literário 4 e Nerd 10. Ṕronto para jogar Root até 2021.

Compartilhar postagem:

Copyright © 2020 Meeple BR - Todos os direitos reservados.